segunda-feira, 19 de março de 2012

Submarino nazista é encontrado no Brasil

U-513 Antiga fotografia do U-513

O submarino U-513, conhecido como Lobo Solitário, afundado por um hidroavião estadunidense em 1944, foi localizado por integrantes de uma mesma família brasileira, perto da costa de Florianópolis, no estado de Santa Catarina.

Os descobridores são membros da família Schürmann, ao parecer de origem alemã, quem precisaram de dois anos de intensas buscas e pesquisa nos arquivos secretos da II Guerra Mundial, tanto na Alemanha como nos Estados Unidos.

O comandante da expedição, Vilfredo Schürmann, aponta que tiveram que mergulhar com um robô similar ao usado nas plataformas petroleiras, que tem luzes e filma. “Graças a isso, pudemos constatar que o submarino está a uns 130 metros de profundidade, ao leste da costa de Florianópolis” – diz Vilfredo.  

O U-513 era um gigante de 760 toneladas de peso e 76 metros de longitude, carregava 22 torpedos, 44 minas e 53 tripulantes, dos quais só sete sobreviveram. O submarino tinha a missão de afundar os barcos que abasteciam os países aliados contra os fascistas.

Agora a família Schürmann quer descobrir os segredos guardados dentro do U-513, como a máquina de códigos - que ficou famosa -, rádios, uniformes, louças e talheres. Mas para entrar no submarino e tentar expor seus tesouros, é necessário ter uma autorização da Marinha Brasileira.

Durante a Segunda Guerra Mundial, os submarinos alemães, pertecentes ao grupo do Eixo (Alemanha Nazista, Itália e Império do Japão) eram o maior componente da Batalha do Atlântico. No início da guerra e, depois, com a entrada dos Estados Unidos, os submarinos alemães destruíram navios de carga dos Aliados (União Soviética, Reino Unido e Estados Unidos). Eles se aproximaram da costa atlântica dos Estados Unidos chegando até o Golfo do México. Mas os avanços nas dos comboios navais, radar, a introdução da escolta aérea, entre outros aspectos, diminuíram a eficácia dos submarinos alemães.

U-Boot ou barco debaixo-de-água é derivado do sistema da Marinha da Alemanha, que dão nomes aos seus submarinos de "U" seguido de um número. Em alemão, este termo é usado para designar qualquer submarino. Os principais alvos das campanhas dos U-Boots, em ambas as guerras mundiais, eram os navios de carga que transportavam suprimentos e material bélico dos Estados Unidos e Canadá com destino para a Europa.

 

Avião de guerra estadunidenseAvião que atacou e afundou o “Lobo solitário”

 

Referências:

Prensa Latina – Cuba (http://www.prensa-latina.cu)

360 Graus (http://360graus.terra.com.br)

2 comentários:

Rafael Rosa disse...

Lucas, me adicione ae no Face: Rhal Rosa. e MSN: elrafa1912@hotmail.com.

Abraços, Rafael

Fernando Conde Sangenis disse...

Esses Submarinos U-Boats e suas tripulações eram um espetáculo.
Os caras eram bons demais...